Edição 19

15/11/2017

ver edições anteriores

quarta-feira, 22 de novembro de 2017
Sem categoria

Você é humilde?

“O orgulho divide os homens, a humildade une-os” Henri Lacordaire   Talvez, uma das mais nobres qualidades na vida de uma pessoa seja a humildade. Virtude reveladora da essência do caráter. Aliás, não é mera qualidade imaterial. Ao contrário disso, é vista nas ações e reações de cada um de nós em nosso dia a dia. Segundo os eruditos, humildade vem do latim humilitas, e é a qualidade que demonstra o reconhecimento das suas próprias limitações e fraquezas e a virtude de agir de acordo com essa consciência. Tal especificidade de caráter se refere à qualidade daqueles que não tentam se projetar sobre as outras pessoas, nem mostrar ser superior a elas. A pessoa humilde é simples. Seja rica ou pobre. É honesta e transparente. Seja famosa ou desconhecida. O humilde não se esforça para aparentar ser para os outros aquilo que ele sabe que não é. Mas, se esforça para ser de verdade. Ele não usa máscaras. Vemos em nosso mundo pós-moderno altamente competitivo, egoísta e hedonista uma multidão de pessoas desequilibradas, orgulhosas, altivas e soberbas. Nada disso une as pessoas. Mas, separa e desagrega. Notamos no século XXI uma geração de "monstros" sociopatas, que são incapazes de manter e construir uma relação sadia, edificadora e agregadora. Falta humildade. O lema de muitos é tirar vantagem custe o que custar. Vivemos numa sociedade doente, fisicamente e sobretudo adoecida nas emoções e relações interpessoais. Esse cenário precisa mudar! Segundo o autor Norbert Lieth, a revista alemã “Focus” publicou uma reportagem sobre o tema “Eu, eu, eu”. Ela tratava do culto ao “eu”, que aumenta cada vez mais em nossa sociedade na qual cada um se considera cada vez mais importante. Cresce assustadoramente a sociedade que quer levar vantagem em tudo, que não recua diante de nenhum meio para atingir seus…